quarta-feira , 16 agosto 2017
Novidades

Audi A1 Sportback

Novo Audi A1 Sportback chega ao Brasil em versões mais potentes

  • Hatch compacto oferece as opções Attraction (R$ 106.990) e Ambition (R$ 124.990)
  • Novo motor 1.8 TFSI de 192 cv proporciona aceleração de 0 a 100 km/h em 6,9 segundos
  • Mais de 500 mil unidades vendidas em todo o mundo

São Paulo, janeiro de 2015 – O Audi A1 Sportback 2016 chega ao Brasil com importantes novidades. O modelo compacto da Audi recebeu aperfeiçoamentos no design interno e externo. Novo acabamento e novas cores dão ao carro uma aparência ainda mais atraente.

A1 frente

 

O compacto proporciona uma excelente dirigibilidade, comparável à de um carro de porte médio. A carroceria rígida e a curta distância entre-eixos garantem agilidade e facilidade de manobra. Essas qualidades, reconhecidas desde o lançamento da primeira geração do A1, são potencializadas na nova versão Ambition, equipada com o motor 1.8 Turbo FSI de 192 cv de potência e torque de 250 Nm. Na versão Attraction, o A1 Sportback conta com motor 1.4 Turbo FSI de 125 cv, que oferece excelente comportamento e prazer ao dirigir, especialmente em espaços urbanos.

Amplamente redesenhado

O novo A1 Sportback chama a atenção por suas linhas nitidamente esportivas. O design está ainda mais dinâmico e o carro, dois centímetros mais longo, com comprimento total de 3,97 metros. A cúpula do teto é pintada em cor contrastante com o restante da carroceria.

O interior do modelo é espaçoso e sofisticado. A disposição de seus controles é clara e finos frisos cromados tornam o design interno ainda mais elegante.

O chassi torna o compacto esportivo e ágil. A nova direção eletromecânica garante que o motorista tenha assistência ideal em todas as situações de rodagem. O nível de assistência é reduzido conforme a velocidade do veículo aumenta. Na nova linha do equipamento esportivo, a regulagem é mais rígida, mas a direção é mais confortável que no modelo anterior.

Outra novidade é a introdução do sistema Audi Drive Select, oferecido na versão Ambition 1.8. O motorista pode utilizá-lo para alterar as características do motor e do câmbio S tronic entre três modos: auto, eficiência e dinâmico. O ESC (Electronic Stabilization Control – controle eletrônico de estabilidade) torna a direção ainda mais precisa e estável e a vetorização de torque diminui a tendência do carro a sair de frente (subesterço) quando guiado no limite.

Alta performance: motor 1.8 TFSI

Já consagrado pela agilidade e comportamento dinâmico, o A1 Sportback passa a ser oferecido em uma versão ainda mais vigorosa, voltada àqueles que privilegiam acima de tudo o prazer ao dirigir um automóvel com excelente relação peso x potência.

 

O motor mais forte que a Audi oferece para o modelo é o novo 1.8 TFSI, com 192 cv e 250 Nm de torque disponibilizado em uma ampla faixa que vai de 1.250 a 5.300 rpm, que substitui o anterior 1.4 TFSI de 185 cv e 250 Nm. Na nova versão Ambition, a aceleração de 0 a 100 km/h leva 6,9 segundos, ante 7 segundos do modelo 2015. O propulsor de maior cilindrada faz o A1 atingir a velocidade máxima de 234 km/h, contra 227 km/h do modelo 1.4.

 

O 1.8 TFSI, que tem 1.798 cm³ de cilindrada (diâmetro x curso de 82,5 x 84,1 mm), está repleto de tecnologias extremamente eficientes. Sob carga parcial, o motor a injeção direta recebe uma injeção adicional de combustível indireta no coletor de admissão. Dois eixos de comando de válvulas ajustáveis e o sistema Audi valvelift, que modifica o curso das válvulas de escapamento entre dois níveis, asseguram o mais perfeito enchimento das câmaras de combustão. O sistema de gerenciamento térmico utiliza um módulo de palhetas rotativo de alta performance e o coletor de exaustão é integrado no cabeçote. Dois eixos de balanceamento garantem a extrema suavidade do funcionamento.

 A1 traseira

O 1.4 TFSI

Na versão Attraction, o A1 Sportback conta com eficiência e agilidade do motor 1.4 TFSI, que tem 1.395 cm³ de cilindrada (diâmetro x curso: 74,5 x 80,0 mm) e desenvolve 125 cv de potência máxima (3 cv a mais que o anterior) e 200 Nm de torque (disponível entre 1.400 e 4.000 rpm).  A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 8,9 segundos, contra 9 segundos do modelo anterior. A velocidade máxima subiu de 203 para 204 km/h.

 

Transmissão S tronic

As duas versões do A1 Sportback são oferecidas com câmbio S tronic de dupla embreagem com sete velocidades. A força é transmitida por meio das rodas dianteiras. O motorista pode deixar a velocíssima transmissão trocar as marchas automaticamente ou usar o controle manual, operando o sistema tanto pela alavanca seletora no console central como pelas palhetas localizadas no volante. O modo automático D é configurado para obter a máxima economia de combustível. No modo S, os pontos de trocas de marchas são mais esportivos. O assistente de partida em rampas, que evita que o carro recue ao arrancar, é equipamento de série.

A transmissão S tronic de sete marchas consiste de duas subtransmissões. Duas embreagens multidiscos operam as engrenagens das marchas, que estão distribuídas em eixos de tração separados. As estruturas das duas transmissões estão ativas o tempo todo, mas apenas uma delas é conectada ao motor a cada momento. As trocas são feitas pela intercalação das embreagens. A operação toma apenas alguns centésimos de segundo e acontece sem interrupção perceptível no fluxo de força, de forma dinâmica e confortável.

 

Com peso em torno de 70 quilos, a compacta transmissão é excepcionalmente leve. Suas embreagens trabalham sem necessidade de suprimento de óleo, o que aumenta ainda mais a eficiência do motor. A bomba elétrica, que faz circular o óleo para a área do conjunto de engrenagens, funciona conforme a necessidade. A relação das marchas inferiores é curta e esportiva, enquanto a marcha mais alta é longa para reduzir a rotação do motor.

Chassi

O chassi também colabora para tornar o compacto ágil e esportivo. A nova direção eletromecânica é extremamente eficiente, com a intensidade da força de apoio reduzindo à medida que a velocidade do veículo aumenta. Com a linha de acabamento esportiva, o acerto é ligeiramente mais direto.

Equipando as duas versões, o ESC foi desenvolvido ainda mais e, pela primeira vez, pode ser desativado em dois níveis diferentes. Ele pode ser usado em modo esportivo ou inteiramente desligado. No esportivo, é possível dirigir de forma mais ágil por meio de intervenções precisas do sistema, juntamente com a vetorização de torque operando de forma mais direta.

 

Quando o ESC é desativado completamente, a vetorização de torque continua ativa para garantir a precisão na direção do veículo e o EDL (Electronic Differential Lock – bloqueio eletrônico do diferencial) permanece em funcionamento para assegurar o máximo de tração. A estratégia de controle de vetorização de torque foi ampliada e agora leva em conta todos os índices de aderência das estradas.

 

Antes que o ponto de saída de frente (subesterço) seja alcançado, uma intervenção finamente calibrada e imperceptível é aplicada às rodas do lado interno da curva.   Quando a força é aplicada pelo motorista, o excesso de torque flui para as rodas externas, fazendo o carro contornar curvas com precisão. Dentro de limites físicos, a tendência ao subesterço é minimizada por essa função do ESC.

 

Uma sub-função do ESC é o sistema de assistência à frenagem contra multicolisões, equipamento de série. Após um acidente, ele evita a movimentação descontrolada do carro e uma possível colisão secundária.

 

A versão Attraction tem rodas de liga leve com 16 polegadas de diâmetro e pneus 215/45.  Já a Ambition traz rodas de 17 polegadas, com pneus 215/40. Por trás das rodas ficam os poderosos freios, com discos dianteiros ventilados com 256 (Attraction) ou 310 milímetros de diâmetro (Ambition). Nas traseiras, as duas versões usam discos com 230 milímetros, seguros por pinças flutuantes de alumínio. Nas frenagens de emergência, as luzes de freio adaptativas piscam para alertar os motoristas que vêm atrás.

Acessórios e acabamento

O A1 Sportback Ambition traz uma extensa relação de equipamentos de série. O acabamento interno é preto brilhante e os dois bancos esportivos dianteiros têm ajuste de altura. O teto é revestido de tecido preto, contribuindo para criar uma atmosfera simultaneamente requintada e esportiva. O volante e a manopla da alavanca da transmissão são revestidos de couro.

 

Exteriormente, a versão topo de linha se destaca pelas rodas de 17 polegadas e pelo contraste entre a pintura dos painéis, o arco preto brilhante e o pacote S-Line. O teto também possui pintura contrastante e, opcionalmente, o carro pode trazer o teto solar “Open Sky”, com acionamento elétrico. Os faróis são bi-xenônio, com luzes de condução diurna de LEDs, limpadores e ajuste automático de altura, de acordo com a distribuição interna de carga.

 

Para maior eficiência do sistema de climatização e menor consumo energético, os vidros laterais e traseiros possuem isolamento térmico e o para-brisa tem uma faixa cinza para bloquear os raios de sol. As duas versões são equipadas com airbags laterais na dianteira, além de airbags tipo cortina para proteção da cabeça ao longo das janelas.

 

A versão Ambition vem equipada de série com o Audi music interface e o Audi Sound system, além de rádio MMI e sistema Bluetooth de conexão para telefones celulares. O A1 Attraction também conta com conexão Bluetooth e rádio MMI. Tanto a versão Ambition como a Attraction podem receber também o pacote opcional WDI de tecnologia, que inclui controle de cruzeiro (piloto automático), sistema de chave Keyless-go e o equipamento de som Bose surround, um dos mais avançados do mundo. Na versão Attraction, o WDI inclui ainda o pacote de luzes, item já de série na versão Ambition.

 

Confira as principais mudanças dos novos A1:

 

  • Motores 1.4 TFSI de 125 cv na versão Attraction e 1.8 TFSI de 192 cv na Ambition
  • Direção eletromecânica
  • Introdução do sistema Audi Drive Select na versão Ambition
  • Design: grade dianteira, faróis, para-choques, lanternas de LED e rodas
  • Rodas de 16 polegadas na versão Attraction
  • Bluetooth e sensor de estacionamento de série em ambas as versões
  • Aumento de 2 cm no comprimento do veículo   

 

Dados técnicos:

 

Audi A1 Sportback Ambition

 

Motor: 1.8 Turbo FSI

Cilindros / Cilindrada: 4 em linha / 1.798 cm³

Potência (cv): 192 a 5.400 rpm

Torque (Nm): 250 entre 1.250 e 5.300 rpm

Tração: dianteira

Transmissão: S tronic 7 velocidades

Peso (kg): 1.205 kg

Comprimento (mm): 3.973

Largura (mm): 1.746

Altura (mm): 1.422

Entre-eixos (mm): 2.469

Capacidade do porta-malas (l): 270

Aceleração 0-100 km/h (s): 6,9s

Velocidade máxima (km/h): 234

Capacidade do tanque de combustível (l): 45

 

Audi A1 Sportback Attraction

 

Motorização: 1.4 Turbo FSI

Cilindros / Cilindrada: 4 em linha / 1.395 cm³

Potência (cv): 125 a 5.000 rpm

Torque (Nm): 200 entre 1.400 e 4.000 rpm

Tração: dianteira

Transmissão: S tronic 7 velocidades

Peso (kg): 1.140

Comprimento (mm): 3.973

Aceleração 0-100 km/h (s): 8,8s

Velocidade Máxima (km/h): 204

Largura (mm): 1.746

Altura (mm): 1.422

Entre-eixos (mm): 2.469

Capacidade do tanque de combustível (l): 45

Capacidade do porta-malas (l): 270

Sobre José Roberto Elias Junior

José Roberto Elias Junior

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*